Notícias

Graça, Cruz e Enfrentamento dos Problemas Sociopolíticos

Seminário trata da relevância da mensagem de Cristo nos desafios da nossa sociedade!

texto de Pedro Grabois e Felipe Medeiros

O seminário dirigido por Caroline Soares Santos, mestre em Ciência Política pela UnB e doutoranda em Sociologia na mesma universidade, trabalhou a relação entre a mensagem da Cruz e os movimentos sociais da atualidade. Carol, que vive na Cidade Estrutural, um bairro empobrecido da periferia do Distrito Federal, defendeu a importância ainda hoje das lutas em torno da questão econômica e da distribuição da renda, apesar da nova configuração das lutas sociais e políticas se pautar por uma agenda muito mais voltada para o reconhecimento da diversidade cultural (ex: movimento feminista e movimento negro), agenda que tem também sua legitimidade.

À luz do texto de Isaías 58:1-12 percebemos que Deus nos chamou para implantar seu Reino de justiça nesse mundo, trazer liberdade aos que estão oprimidos, acabando com todo tipo de escravidão. Para isso, precisamos ouvir as pessoas, estar atentos às suas necessidades e dar as respostas que Jesus daria. Trabalhar em prol do Reino de Cristo não significa necessariamente estar envolvido diretamente com atividades eclesiásticas, mas sim trabalhar  pelo/para as pessoas promovendo libertação, justiça e o amor de Deus que excede todo entendimento de si diante do outro.

 

Carol insistiu na atualidade da mensagem da Cruz diante de todas as lutas sociais e políticas que se dão na sociedade, mensagem que nos faz iguais e nos diferencia também, mensagem que nos faz pertencer a um mesmo processo histórico, mas que nos leva também a perceber particularidades que devem ser levadas em consideração. A Cruz nos coloca numa única direção, a do arrependimento e da busca por justiça, mas permite diversos olhares acerca da realidade. Em relação aos movimentos sociais, não cabe uma leitura generalizante, é preciso analisá-los e com eles interagir em suas especificidades.

Junto com movimentos evangélicos, igrejas locais, associação de moradores, ONGs, e sobretudo atores locais, moradores da própria comunidade, Carol tem participado da luta e das ações por melhora de vida na Cidade Estrutural-DF. O seminário proporcionou uma conversa fascinante e desafiadora acerca da realidade dessa e de outras comunidades que lutam pelo acesso aos direitos mais básicos como acesso a moradia, saneamento e emprego.

Nenhum Comentário

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
O teste abaixo serve para verificar se você é um ser humano e para prevenir submissões automáticas de spam.