Recursos

Engajamento com a Universidade I - Vinoth Ramachandra

Áudio: 

It look's like you don't have Adobe Flash Player installed. Get it now.

Veja também a segunda e a terceira parte

 

Engajando-se na universidade

por Judson Malta
maio/14 - Congresso Nacional 2014

Secretário para o Diálogo e Engajamento Social da Comunidade Internacional dos Estudantes Evangélicos (IFES, em inglês, da qual a ABU faz parte), Vinoth Ramachandra compartilhou sobre os alcances da missão na universidade. Antes de aprofundar-se sobre nosso engajamento com a universidade, é preciso ampliar a visão de evangelho para além da salvação e da benção individualista ou humana, para abraçar um evangelho em que o próprio Deus busca reconciliar consigo todas as coisas: o universo e toda a criação através de Cristo.

A universidade é um microcosmos da sociedade, por isso os conflitos da mesma vão estar presentes no espaço universitário. A sociedade está em uma constante conversa buscando dar significado ou não a sua existência, diálogos esses que são proporcionados principalmente no contexto universitário. O papel da universidade é estratégico, pois cabe a ela instrumentalizar os acadêmicos nos códigos científicos dessa conversa, além de direcionar o estudante nos debates propostos pela sociedade.

 Como falar de direitos humanos e justiça social se não conhecemos o nome e não vemos o contexto daqueles que possibilitam nossas atividades do dia-a-dia na universidade? É para isso que Deus nos chama, para um evangelho que não se trata apenas de mim, mas da restauração e dignidade da criação.Em Cingapura, por exemplo, relembrou o Vinoth, estudantes fizeram uma atividade de sensibilização e mobilização com os servidores da universidade para humanizá-la.

 Fazer novas todas as coisas não é necessariamente uma quebra ou ruptura com tudo o que foi criado, mas uma conversão de tudo a Deus. Todos os tesouros das nações, estruturas e construções de saberes serão um dia renovados e transformados para adoração a Deus.

 Deus Pai, Filho e Espírito Santo são uma comunidade poderosa em amor que valoriza e humaniza o ser humano em sua singularidade, além de buscar redimir sua comunidade e suas estruturas de poder.

 http://abub.org.br/compartilhe/noticias/cn-2014-cheios-de-graca

2 Comentários

O áudio está indisponível.
Oi, Roberta! Você tem o Adobe Flash Player instalado? Aqui no Chrome conseguimos ouvir o áudio com tranquilidade. Qualquer coisa é só escrever para abub@abub.org.br

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
O teste abaixo serve para verificar se você é um ser humano e para prevenir submissões automáticas de spam.