Notícias

Confiança e trabalho na recepção do CF

Fabricio Evaristo Correa conta como foi para a ABU Cacoal receber o Curso de Férias da região Centro-Oeste

De início, foi assustador para nós receber um evento como o CF, pois somos um grupo pequeno, o povo daqui é muito ocupado e envolvido com suas congregações, e alguns são casados. Tudo isso faz com que a dificuldade de organizar um encontro como esse seja muito alta; mas ainda assim aceitamos o desafio, crendo na vontade de Deus para nosso grupo local. Trabalhamos bastante, e Deus foi nos ajudando sempre, colocando as pessoas certas para colaborar conosco e nos permitindo até trazer um missionário de Moçambique!

Depois de longos meses de muito trabalho, oração e várias reuniões, chegou a tão esperada semana do CF. Mesmo não podendo estar lá pelas manhãs, vi o suficiente para saber que foi muito bom. Momentos de estudo, testemunhos e comunhão e muitas coisas que eu ainda não tinha vivido com essa intensidade.  A única coisa chata, muito chata, é a saudade que fica. A gente se apega muito, apesar das diferenças, temos muito em comum, a intenção de levar o evangelho a toda criatura. O amor ao Evangelho de Cristo nos une. 

Agradeço a Deus por tudo que vivemos. Agora, nos resta esperar o próximo encontro.

Nenhum Comentário

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
O teste abaixo serve para verificar se você é um ser humano e para prevenir submissões automáticas de spam.