Recursos

Campanha de Oração NE: Convite para um olhar ao outro

 

Estamos em tempos de quarentena, todo mundo em casa, buscando não sair ao menos para o essencial. Ao mesmo tempo uma imprevisibilidade, não saber ao certo o que vai acontecer com o mundo. Quando vamos voltar a normalidade e que mundo teremos de volta como normal. O que parece que nunca muda, aparentemente, são as injustiças que permitem que muita gente sofra. Por isso, convido todos os estudantes, profissionais, obreiros e assessores da nossa região a que voltemos os olhos, nesse contexto, para as famílias que vivem em comunidades empobrecidas no campo e na cidade.

Os pobres, uma categoria tão complexa, inclui pessoas de todas as idades, das diferentes orientações sexuais, religiões, profissões. Gentes como cada um de nós e até alguns de nós. Que tem suas casas em regiões de alto risco e densidade populacional. Que se vê sem ter como tirar o sustento diário. Que divide casa com um monte de pessoas. Que nem pode ir trabalhar, nem recebe salário ou que tem que ir obrigatoriamente trabalhar. Que tem falta de água, saneamento básico, álcool em gel. Pessoas que vivem hoje o resultado de injustiças de séculos.

Pensando nesse grupo social, quero convidar você e seu grupo local a tirarem um tempo para orar pelas mais diversas comunidades que existem na sua cidade, para buscar quais são as ações e atividades solidárias que vem sendo desenvolvidas. A motivar sua igreja a ser cuidadosa com as pessoas que fazem parte do corpo e que estão em situação vulnerável.

Há três coisas que Jesus no sermão do monte disse que não deveria ser feita diante dos homens, e sim diante de Deus: as esmolas, a oração e o jejum. Que o cuidado com os pobres seja uma ação constante na sua vida, como as disciplinas espirituais.

Quando for orar lembre:

  1. Pesquise sobre a situação nas comunidades de sua cidade, busque alguém que vive em uma ou que tem bastante proximidade para ter relatos mais pessoais;
  2. Coloque diante de Deus situações e pessoas concretas;
  3. Busque uma maneira de somar-se a ações que têm sido feitas para abençoar a vida dessas pessoas.