Notícias

Carta aberta à missão estudantil

Leia texto fruto do encontro estadual em Aracaju (SE)

top_img

 

Entre os dias 30 de novembro e 2 de dezembro, aconteceu em Aracaju (SE) o Encontro Estadual de Estudantes Evangélicos (E4). O evento de formação contou com palestras e oficinas que foram ministradas para estudantes que já conheciam o movimento e para outros que passaram a conhecê-lo a partir dessa oportunidade. Como é o caso de Leisiane, que compartilhou conosco uma carta aberta sobre a sua experiência. Confira abaixo:


"Converti-me quando tinha 18 anos. E desde lá começou brotar em meu coração o desejo de pregar o evangelho de Cristo. Tentava de todas as formas encontrar o melhor jeito de abordar as pessoas e falar do amor de Deus para elas, de maneira que as instigassem a conhecer mais do Criador.

O tempo passou. Eu entrei na universidade, e esse desejo de fazer o ide do Senhor (Marcos 16:15), só aumentava. Agora eu queria pregar o evangelho dentro da universidade, para os meus amigos e para aquelas pessoas que compartilhavam comigo aquele lugar. Sempre ouvi as pessoas falando que a universidade é um campo missionário, e realmente é. A partir daí, iniciei a minha luta para começar a pregar o evangelho dentro da universidade que estudo.

Procurei ajuda de diversas formas, falei com amigos cristãos para me ajudar, busquei auxílio de um movimento universitário cristão que conhecia, porém falhei em todas essas tentativas. Por um momento senti-me frustrada. Foi quando me lembrei do que está escrito em Eclesiastes 3:1 (AFC): “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu”. Então descansei meu coração e entendi que no momento certo Deus enviaria alguém para me ajudar.

Foi só questão de tempo, bastou conhecer a Aliança Bíblica Universitária (ABU) para perceber que esse tempo estava chegando em minha vida. Que sensação maravilhosa eu senti! Logo após de conhecer a ABU recebi um convite para participar do Encontro Estadual de Estudantes Evangélicos (E4). Por um momento rejeitei o convite, mas Deus é bom e sabe trabalhar, ele já estava agindo! Então aceitei o convite e fui participar do E4. Nesse evento, conheci vários jovens evangélicos com o mesmo propósito que o meu e apesar de sermos de denominações diferentes todos nós fazemos parte de um só Reino, o de Cristo. Foram várias pessoas em só lugar, as quais eu nunca tinha visto. Porém, todas se encontravam em Cristo. Éramos tão diferentes e tão iguais ao mesmo tempo. Mesmo não sabendo, eles me acresceram muito espiritualmente. Foi no E4 que eu tive a oportunidade de ver o meu sonho antigo ganhando forma.

Durante a programação, houve uma capacitação ministrada por Judson Malta (assessor auxilar da ABU Aracaju) com o objetivo de ensinar jovens cristãos a inserir um núcleo evangelístico dentro da universidade. Enquanto ele falava, meu coração estava “saltando” de alegria. Como é bom viver o tempo de Deus! Percebi que chegou a hora de viver aquele sonho antigo, de fazer o ide do Senhor, a hora de contribuir para o Reino dos céus. Chegou a hora de frutificar!

"Não fostes vós que me escolhestes a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros e vos designei para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; afim de que tudo quanto pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo conceda" (João 15:16, ACF).

Posso dizer que a ABU é um agente realizador de sonhos, claro que tudo é feito por meio de Deus, pois sem ele não conseguimos fazer nada. “Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém” (Romanos 11:36, ACF).

Com tudo que aprendi e continuarei aprendendo com a ABU colocarei o plano traçado em prática. No primeiro semestre de 2019, daremos início ao núcleo evangelístico no pólo da minha universidade.

Espero que, com o auxílio da ABU, novos sonhos possam ser realizados. Novas amizades possam ser feitas, porque no E4 eu ganhei amigos de alma e fé! Eu estou apaixonada pela missão estudantil e tenho a ciência de que Deus tem cuidado de tudo, em cada detalhe. Hoje eu sei o que é ser membro do corpo de Cristo, percebi que não existem membros iguais, por mais que sejam parecidos, eles são diferentes. Porém, todos possuem a mesma importância e valor perante o corpo Cristo: “Ora, vocês são o corpo de Cristo, e cada um de vocês, individualmente, é membro desse corpo” (1 Coríntios 12:27, ACF).

Que esta aliança seja fortalecida a cada dia, através do grande Deus. Que ela alcance cada vez mais jovens. E espero de todo coração que eu possa somar nessa aliança e ajudar outras pessoas a realizarem sonhos assim como eu consegui realizar o meu."

bot_img

Continue orando pelos encontros de formação a nível local, para que mais exemplos como esse possam se tornar realidade. Ore também pela ABU Aracaju e pelos projetos para o ano de 2019. Que o Senhor da missão os abençoe.

Nenhum Comentário

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
O teste abaixo serve para verificar se você é um ser humano e para prevenir submissões automáticas de spam.